Confins meridionais: famílias de elite e sociedade agrária na fronteira sul do Brasil (1825-1865)

R$49,00
Luís Augusto Farinatti
Editora UFSM
Descrição
Quando se pensa nos grandes senhores rurais do século XIX, restam poucas dúvidas sobre seu poder, sua riqueza e sua autoridade naquela sociedade. É algo sobre o que todos sabem. Contudo, esse saber ignora questões essenciais. Como esse poder e essa riqueza se produziam? Como se organizavam? Como eram transmitidos de geração para geração? Será que a posse de grandes extensões de terra, rebanhos infindáveis e escravos era o suficiente? Luís Augusto Farinatti aborda, de frente, essas questões e encontra, para elas, respostas claras e convincentes, usando, para isso, uma abordagem historiográfica cheia de criatividade e denso raciocínio. Mais que isso, ele nos revela a impressionante variedade de gentes que circulavam por um espaço que, por muito tempo, a historiografia desenhou monótono e sem variedade. Acompanhá-lo ao passado desses homens é entender um pouco mais sobre os que viveram aquele mundo, sobre as desigualdades que ainda nos assombram, sobre os confins do Brasil.
Informação Adicional
Título Confins meridionais: famílias de elite e sociedade agrária na fronteira sul do Brasil (1825-1865)
Autor(es) Luís Augusto Farinatti
Organizador Não
Editora UFSM
Subtítulo Não
Tradutor Não
Co-editora Não
ISBN 9788573911312
Ano de Lançamento 2010
Edição 1
Número de Páginas 520
Formato 14x21x3
Acabamento Brochura
Idioma Português
Assunto Sociologia
Comentários

Queremos saber sua opinião

Produto: Confins meridionais: famílias de elite e sociedade agrária na fronteira sul do Brasil (1825-1865)

Como você avalia este produto? *

  1 estrela 2 estrelas 3 estrelas 4 estrelas 5 estrelas
Qualidade
Preço
Aprovação
Tags do Produto

Tags do Produto

Use espaços para separar as tags. E aspas simples (') para frases.

Carregando...

Sua privacidade

Nós respeitamos muito sua privacidade. O site utiliza cookies e tecnologias semelhantes para oferecer conteúdos e ofertas personalizadas para você. Você pode entender melhor como nós utilizamos cookies em nossa política de privacidade.