(55) 3220-8115
livrariaufsm@gmail.com

Seja bem-vindo à Livraria e Grife UFSM!

Livraria UFSM
Grife UFSM

Impactos Da Política De Desenvolvimento Produtivo Na Economia Brasileira

Seja o primeiro a comentar este produto

Daniel Arruda Coronel


Ed. Prismas

Disponibilidade: Verificar

R$48,00

Descrição do produto

Detalhes

A política industrial, além de ser um tema controverso, é um daqueles que se pode dizer que transcende às décadas, pois se mantém no cerce das principais discussões econômicas, com a especificidade de se apresentar em um movimento circular, ganhando força em períodos de recessão e sendo notabilizada em momentos de crescimento econômico. Somamse a isso, as discussões teóricas quanto à ação do Estado para fomentar o setor industrial. É com base neste enfoque, em uma obra bem estruturada, trazendoo arcabouço histórico dessas políticas na economia brasileira, com destaque para o período mais recente, que Daniel Arruda Coronel escreveu o livro “Impactos da Política de Desenvolvimento Produtivo na Economia Brasileira”. No transcorrer do períodocontemporâneo, observase que a política industrial brasileira foi conduzida muitas vezes por posições conflitantes e em direções opostas. Contudo, a comensalidade dessa política está na falta de continuidade, na falta de planejamento de longo prazo,que muitas vezes leva ao diagnóstico equivocado dos problemas enfrentados pelo setor industrial. Além disso, a conjuntura econômica determinou sobremaneira a priorização ou não de uma política industrial mais efetiva. Os governos de Vargas a Kubitschek, como também o dos militares, traçaram uma política industrial seguindo, de certa forma, preceitos não distanciados, os quais buscavam tornar o Brasil uma economia industrializada e menos dependente do mercado externo. Para isso, conduziram uma política industrial de forma vertical, dirigida para setores estratégicos. Contudo, essa política, sobretudo entre o Plano de Metas e o I Plano Nacional de Desenvolvimento (I PND), foi sustentada por condições externas favoráveis, que permitiram o avanço das bases industriais do país. Porém, a inversão desse cenário, na década de 1980, levou à extinção de políticas específicas e à mudança de foco da política econômica, a qual, em primeiro plano, buscava a estabilização do nível de preços, relegando a política industrial ao êxito da solidez econômica. Processo que seguiu na década seguinte, com uma política industrial meramente passiva e subordinada à estabilidade econômica, apenas com medidas pontuais sendo adotadas. A primeira década do novoséculo tornouse emblemática porque veio acompanhada de um novo discurso, o qual dava fim à interdição teórica predominante nas duas décadas anteriores, contudo essa mudança estava sendo consolidada em meio a um cenário econômico interno e externo.

Informações adicionais

Informações adicionais

TítuloImpactos Da Política De Desenvolvimento Produtivo Na Economia Brasileira
Autor(es)Daniel Arruda Coronel
OrganizadorNão
EditoraPrismas
SubtítuloNão
TradutorNão
Co-editoraNão
ISBN9788581921600
Ano de Lançamento2013
Edição1
Número de Páginas110
Formato (cm) (LxAxP)21x15x1cm
AcabamentoBrochuras
IdiomaPortuguês
AssuntoPolítica; Economia; Administração

Comentários

Escrever seu próprio comentário

Você está revendo: Impactos Da Política De Desenvolvimento Produtivo Na Economia Brasileira

Tags do produto

Tags do produto

Use espaços para separar tags. Use aspas simples (') para frases.